'Vi um rapaz com o rosto afundado, aparecia osso', diz testemunha

Homem que ajudou vítimas a sair do bonde conta que pessoas estavam completamente atordoadas e o silêncio era total após acidente

Raphael Gomide, iG Rio de Janeiro |

Rinaldo Ferreira, um dos primeiros a socorrer as vítimas do tombamento do bonde em Santa Teresa, no Rio de Janeiro, conta que, no momento após o acidente, havia “silêncio total” entre os feridos. Ele ajudou a retirar ao menos cinco pessoas. O tecelão ia a pé para Santa Teresa quando ouviu um grande estrondo e correu em direção ao bonde. O cenário foi descrito por ele como “terrível”.

Agência O Globo
Bombeiros prestam socorro às vítimas do tombamento do bonde em Santa Teresa, neste sábado
“Vi pessoas totalmente esfaceladas. Vi um rapaz com o rosto afundado, aparecia o osso; outro com a boca afundada, uma mulher tinha a perna toda rasgada. O rapaz do rosto me perguntou: ‘Como está o meu rosto?’ Eu pedi para ele não pôr a mão para não infeccionar. Havia muitas pessoas presas dentro do bonde”, contou Rinaldo, segundo quem o bonde estava muito cheio.

Segundo o tecelão, havia muitas pessoas presas nas ferragens. O bonde está completamente destruído. Sem ferramentas, ele e um policial militar tiveram de esperar a chegada do Corpo de Bombeiros, que veio minutos depois.

Mas o que lhe chamou a atenção foi a falta de choros e gritos entre os feridos. “Era um silêncio total, até estranho. Depois, um ou outro começou a gemer. Vi três ou quatro pessoas imóveis, embaixo do bonde. Foi terrível, uma coisa que você olha e não sabe o que fazer. Era um silêncio total, as pessoas estavam atordoadas”, disse Rinaldo, que viu uma criança, de 7 a 9 anos, aparentemente bem.

Ele chegou a conversar com algumas pessoas que estavam no bonde. “Falei com uma moça, que estava presa nas ferragens. Ela disse que não conseguiria sair porque estava com a perna quebrada. Quem conseguia andar, a gente retirava e ajudava a sair caminhando, fomos tirando quem estava mais próximo.”

    Leia tudo sobre: bondeacidenterio de janeiro

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG