Vazamento de água e gás causa transtorno em avenida no Rio

Obra para reparo de tubulação de água atingiu a rede de gás da CEG produzindo um jato que assustou motoristas e pedestres

iG Rio de Janeiro |

AE/JADSON MARQUES
Os bombeiros foram chamados para resolver o problema na manhã deste domingo (24)
Uma tubulação de gás foi atingida acidentalmente por uma retroescavadeira por volta das 9h30 deste domingo (24), na Avenida Santa Cruz, em Santa Cruz, zona oeste do Rio de Janeiro. Com o acidente, uma tubulação da Cedae de 250 milímetros de diâmetro também se rompeu produzindo um forte jato de água e gás na avenida.

A CEG informou através de comunicado à imprensa que os técnicos da companhia já estão no local e se defendeu afirmando que nos últimos cinco meses teve a rede atingida “164 vezes por obras realizadas por terceiros”. Procurada pelo iG , a assessoria de imprensa da Cedae assumiu a culpa já que a retroescavadeira estava a serviço da empresa, porém ressaltou que rapidamente os funcionários chamaram os bombeiros e que a CEG já está terminando o reparo.

“Recebemos um pedido de madrugada dizendo que uma tubulação havia se rompido e fomos realizar os serviços de reparo quando houve o incidente. Entretanto, pelo tamanho da tubulação, não haverá falta d´água”, disse Iuri Cardoso, assessor da Cedae.

Sobre a informação divulgada pela CEG com relação ao número de vezes em que a rede da empresa foi atingida “por terceiros” nos últimos cinco meses, comentou: “Com certeza a empresa que mais é atingida por terceiros é a Cedae, mas pergunte a CEG quantas dessas vezes nós atingimos obras deles que verá que nos últimos cinco meses essa foi a primeira”.

    Leia tudo sobre: gaságuavazamentocedaeceg

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG