Último dia de exposição de Escher no Rio reúne milhares

Organizadores prorrogam horário de exposição em duas horas; obras de artista plástico holândes serão expostas em São Paulo

Bruna Fantti, iG Rio de Janeiro | 27/03/2011 17:53

Compartilhar:

Uma fila quilômétrica de pessoas se formou em torno do prédido do Centro Cultural Banco do Brasil, no Centro do Rio, para conferir o último dia da exposição "O mundo mágico de Escher", que será encerrada neste domingo (27), à meia-noite.

Foto: Agência OGlobo Ampliar

Pessoas esperam até 1h30 para conferir exposição de M.C.Escher no CCBB. Mostra será encerrada neste domingo

A fila começa na porta do centro cultural, localizado na rua Visconde de Itaboraí, passando pela avenida Presidente Vargas, rua 1º de Março, travessa Tocantins e com término na rua Visconde de Itaboraí.

Mesmo com o sol forte que fez neste domingo, várias pessoas esperaram até 1h30 na fila (algumas com sombrinhas), para checar as cerca de 92 obras do artista plástico holândes, Maurits Cornelis Escher, morto em 1972.

Apesar da exposição estar em cartaz desde o dia 18 de janeiro, e já ter levado cerca de 550 mil pessoas ao centro cultural até a última sexta-feira, o recorde de espectadores em um mesmo dia ocorreu nesse final de semana.

Somente ontem, 25 mil pessoas passaram pelo espaço durante todo o dia. A grande procura fez com que os organizadores prorrogassem o tempo da exposição em duas horas. Policiais Militares reforçaram o patrulhamento na região.

Depois do Rio de Janeiro, a exposição seguirá para o CCBB de São Paulo. A mostra reúne 92 obras do artista, entre gravuras originais e desenhos. Escher ficou mundialmente famoso por representar construções impossíveis ao gerar imagens com efeitos de ilusões de ótica.

    Notícias Relacionadas



    Ver de novo