Justiça autoriza transferência de traficante FB para presídio federal do RN

Ele e o comparsa Claudinho CL, presos em Campos do Jordão na última sexta-feira, vão para Mossoró amanhã

iG Rio de Janeiro |

Divulgação/Futura Press
O traficante FB antes e depois de ser preso pela polícia
O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro autorizou nesta segunda-feira (30), a transferência dos traficantes Fabiano Atanázio da Silva, o FB, e Luis Cláudio Serrat Correa, o Claudinho CL, para o presídio federal de Mossoró, no Rio Grande do Norte. Os dois serão transferidos amanhã (31), em um voo de carreira.

A autorização atendeu a uma solicitação da Secretaria de Segurança Pública do Rio. Fabiano Atanázio e Claudinho CL foram presos na última sexta-feira (27), em Campos do Jordão, no interior de São Paulo.

FB e CL estão isolados no presídio Bangu 1 desde o último sábado. Não podem receber visitas e ficam sem direito ao banho de sol.

Leia também : Traficante que mandou derrubar helicóptero da PM é preso em Campos do Jordão

Segundo a Polícia Civil, FB e CL estavam em uma casa de classe média alta alugada pelo valor de R$ 18 mil, pelo período de um mês. Lá, FB pretendia passar férias com os filhos. No local os policias encontraram um veículo BMW e uma motocicleta. Em Campos do Jordão, FB frequentaria bons restaurantes e lojas.

A polícia informou que FB havia saído do Rio sete dias antes de ser preso. Ele é apontado como o mandante da derrubada do helicóptero da PM em outubro de 2009, no morro dos Macacos, na zona norte do Rio, quando três policiais morreram.

Responsável pela prisão, o delegado Antenor Lopes, da 25ª DP (Engenho Novo, zona norte), disse que FB confessou informalmente que comandaria atualmente três favelas no Rio: Juramento, Engenho da Rainha e Chapadão, todas na zona norte.

Ele teria confessado também que comandou a fuga de traficantes do Complexo do Alemão durante a ocupação daquela comunidade, em novembro de 2010.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG