Trabalhadores terceirizados da Light roubam fios da rede elétrica

Funcionários da empresa Tejofran são presos com 150 quilos de cobre em ferro velho. Cada quilo negociado a R$ 1,50

Sabrina Lorenzi, iG Rio de Janeiro |

Trabalhadores terceirizados da Light roubaram a própria empresa para a qual prestam serviços, segundo agentes do Batalhão Florestal. Quatro homens foram presos em flagrante num ferro velho em Nova Iguaçu enquanto pesavam fios de cobre arrancados da rede elétrica. O grupo comercializava cada quilo dos 150 que portavam por R$ 1,50.

Fontes do setor elétrico já haviam relatado ao iG a prática de furtos pelos próprios empregados terceirizados. E que os roubos têm danificado parte da rede da Light, contribuindo para episódios de interrupção de energia no Rio e em municípios cobertos pela empresa.

Nesta manhã, quando voltavam de uma inspeção na Reserva Biológica do Tinguá, na Baixada Fluminense, agentes do Batalhão Florestal suspeitaram do crime ao passar por um ferro velho. Cinco homens - inclusive o que comprava o material - foram levados para 56ª Delegacia Policial do Rio de Janeiro, onde continuam detidos. Segundo informações do Batalhão, os homens estavam vestidos com uniforme da Light, mas são funcionários da empresa Tejofran.

Fundado em 1957, o grupo Tejofran presta serviços para diversos setores, de manutenção predial e saneamento a higienização hospitalar. No segmento de energia elétrica, a empresa possui 574 homens trabalhando em redes de distribuição, segundo informação em seu site. A empresa trabalha também para a Sabesp e a Eletropaulo, concessionária de energia em São Paulo.

Em nota, a Light afirma que vai identificar os locais onde os cabos foram roubados para então realizar os devidos reparos. "A Light se compromete em identificar os locais de onde os cabos de cobre foram furtados e em fazer os correspondentes reparos para evitar interrupções no fornecimento de eletricidade aos consumidores que poderiam arcar com as consequencias de ´esperteza´ dos malfeitores".

E parabeniza a ação dos agentes. "A Light parabeniza os policiais do Batalhão Florestal pelo flagrante realizado no ferro velho, que resultou na prisão de funcionários de uma empresa contratada para prestar serviços na rede de distribuição de energia elétrica".

    Leia tudo sobre: LightTejofranelétricaterceirizadosroubocabos

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG