TJ aumenta indenização por queda de brinquedo em parque no Rio

Vítima caiu de montanha russa e teve afundamento do crânio e da face

iG Rio de Janeiro |

A 19ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça (TJ) do Rio de Janeiro reformou a sentença que determinava o pagamento de indenização a Frank Ribeiro de Souza por parte do parque Terra Encantada e da Associação Vídeo Clube Glam Slam. A condenação foi após um acidente agosto de 2005 em que o vendedor Franck caiu da montanha russa do parque, de uma altura de oito metros.

Segundo a decisão inicial do TJ, a vítima receberia dos réus R$2,55 mil por danos materiais, R$30 mil por danos morais e R$ 7 mil por danos estéticos. Com a apelação, a 19ª Câmara Cível majorou o valor dos danos estéticos para R$ 20 mil e reduziu os danos materiais para R$ 2,25 mil, totalizando R$52,2 mil.

Frank Ribeiro ficou 40 dias internado em hospital público, sendo 22 dias em coma. Ele teve afundamento do crânio e face, perdeu massa encefálica, quatro dentes, parte da língua, de uma das orelhas, da gengiva, e seu olfato foi quase que completamente comprometido.

    Leia tudo sobre: acidenteparque

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG