Tia de bebê que teve mão decepada é presa

Polícia encontrou faca enterrada no quintal da casa de suspeita

iG Rio de Janeiro |

Uma tia da menina de 3 meses que teve a mão decepada foi presa após prestar depoimento na 58ª DP (Posse), na madrugada desta sexta-feira (11). De acordo com a polícia, o delegado Marcus Henrique Alves pediu a prisão temporária de 30 dias da mulher, identificada apenas como Maria José, principal suspeita do crime. O pedido de prisão foi aceito pelo juiz de plantão no Tribunal de Justiça.

A menina teve a mão decepada na última quarta-feira, em Nova  Iguaçu, na baixada fluminense. À polícia, a mãe  da criança disse que deixou o bebê e um outro filho, de 9 anos, na casa vizinha, enquanto ia ao mercado. Na volta, a menina já estaria sem a mão.

O delegado pediu a prisão de Maria José após escutar os depoimentos dela e do companheiro, que é tio da mãe da criança. Uma faca que foi encontrada enterrada no quintal da casa dela além das roupas que ela usava no dia foram apreendidas. Maria José morava em uma casa nos fundos do mesmo terreno onde vive a família do bebê. 

Criança segue internada

A menina segue internada no CTI pediátrico do hospital Adão Pereira Nunes, em Saracuruna, em Duque de Caxias, também na baixada fluminense. Segundo a Secretaria estadual de Saúde, o bebê passou por cirurgia de ajuste, realizada por cirurgiões plásticos da unidade. Ela está sob a guarda do Conselho Tutelar. Não há previsão de alta.

    Leia tudo sobre: violênciabebêbaixada fluminense

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG