Suspeitos de montarem bingo no Rio atuam nos jogos ilegais em SP

A identidade dos envolvidos não foi divulgada. Cerca de 70 pessoas foram detidas na inauguração em uma mansão de luxo

Daniel Gonçalves, especial para o iG |

A polícia identificou os suspeitos de montarem um bingo clandestino em uma mansão de luxo na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio de Janeiro. O estabelecimento ilegal foi fechado na noite de quarta-feira (3) por agentes da 16ª DP. A identidade dos envolvidos não foi divulgada. De acordo com delegado Rafael Willis, eles são de São Paulo e atuam no mercado de jogos ilegais.

Cerca de 70 pessoas foram detidas na ação, que aconteceu na inauguração do bingo. Na chegada dos agentes estava sendo servido um coquetel. Foram apreendidas 114 máquinas caça-níqueis na mansão de três andares, localizada em um condomínio na rua Amendoeira.

Os policiais chegaram ao local após uma denúncia anônima. Os clientes usavam uma entrada alternativa pela rua Dulcídio Cardososo. A maioria deles era idosa.

A mansão tem 12 quartos, duas cozinhas, piscina com cascata, sistema de câmeras e ar condicionado central. O bingo clandestino funcionava em dois salões. O dono do imóvel ainda não foi identificado. A polícia suspeita que o aluguel da residência girava em torno de R$ 60 mil.

    Leia tudo sobre: bingo clandestinocaça níquel

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG