“Senti um grande alívio por não estar lá dentro”, diz assessora do Municipal

Ana Luiza Lima, assessora do Theatro Municipal, acompanhou o resgate de seu carro que estava estacionado em frente ao edifício Liberdade

Mário Hugo Monken, iG Rio de Janeiro |

Mário Hugo Monken
O Fox 2010 de Ana Luiza Lima foi esmagado no desabamento

Ana Luiza Lima, de 47 anos, assessora do Theatro Muncipal do Rio de Janeiro, conseguiu localizar, com a ajuda dos bombeiros, o carro que havia estacionado em frente ao edifício Liberdade, prédio que desabou na noite de quarta-feira (25), no Centro do Rio de Janeiro.

O Fox 2010 foi retirado dos escombros completamente destruído. Ana Luiza, que possuía seguro, conseguiu encontrar o veículo após conversar com os bombeiros e indicar em um mapa o local onde havia estacionado. O resgate aconteceu entre às 3 e 5h de hoje.

A assessora disse que acompanhou o processo, pois temia que o veículo fosse parar no depósito da Comlurb, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, como aconteceu com um dos corpos das vítimas da tragédia. “Senti profundo alívio por não estar dentro do carro, mas muita tristeza pelas pessoas que estavam no prédio”, disse Ana Luiza.

    Leia tudo sobre: prédiodesabamentobuscasbombeiroscorposescombroscarro

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG