Refém aproveita descuido de assaltantes e foge por terraço no Rio

Operadora de telemarketing já avisara polícia após suspeitar de ladrões no edifício comercial no centro da cidade. Bando escapa

iG Rio de Janeiro |

A presença de espírito da operadora de telemarketing Luciana Fernandes fez com que ela fugisse de um assalto em que era mantida como refém, no Centro do Rio. Ela aproveitou um momento em que foi deixada sozinha e escapou. Subiu ao terraço e passou para um edifício vizinho, abandonado, ao qual seu prédio é ligado. Desde o início da ação, Luciana causou dificuldades aos três ladrões, que já tinham rendido o vigilante do prédio comercial, na Rua do Passeio, por volta das 7h deste domingo.

Estranhando, pelo circuito interno de TV, a presença do segurança com os homens desconhecidos, ela telefonou para a Polícia Militar e avisou ao pai, militar, sobre o possível assalto. O grupo tocou a campainha de sua empresa.Apesar disso, abriu a porta e foi rendida. O bando já tinha roubado o cofre da empresa MK Business, no oitavo andar do prédio comercial.

A PM chegou ao local, e os criminosos mantiveram o vigia e Luciana como reféns, para negociar uma fuga ou eventual rendição.De acordo com o comandante do 5º Batalhão da Polícia Militar (Praça Harmonia), tenente-coronel Amaury Simões, Luciana se aproveitou da distração dos criminosos, que a deixaram sozinha na sala, e fugiu, subindo até a cobertura. O vigia foi levado com o grupo.

O Bope (Batalhão de Operações Policiais Especiais) foi chamado ao local e fez varredura para tentar localizar os ladrões, mas não os localizou.

    Leia tudo sobre: assaltorefémRioviolênciapolícia

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG