Protesto contra morte de juíza é realizado em praia de Niterói

Na manhã deste sábado, a chefe de Polícia Civil, delegada Martha Rocha, esteve em delegacia para acompanhar investigações

iG Rio de Janeiro |

MARCOS DE PAULA/AGÊNCIA ESTADO/AE
Cartaz na Praia de Icaraí questiona a morte da juíza Patrícia Lourival Acioli
Integrantes do movimento “Rio de Paz” realizam desde a manhã deste sábado (13) um protesto contra a morte da juíza Patrícia Lourival Acioli , na Praia de Icaraí, em Niterói, na Região Metropolitana do Rio de Janeiro.

Os manifestantes fincaram uma cruz de cinco metros de altura e colocaram um cartaz com a inscrição: “Quem silenciou a voz da Justiça?” na areia.

A Divisão de Homicídios prossegue as investigações para solucionar o crime ocorrido na noite da última quinta-feira (11). Também na manhã deste sábado, a chefe de Polícia Civil, delegada Martha Rocha, esteve na delegacia localizada na Barra da Tijuca, zona oeste da capital fluminense, para acompanhar os trabalhos.

Durante a madrugada, cerca de 20 agentes da Divisão de Homicídios realizaram diligências em Niterói e no município vizinho de São Gonçalo, onde a juíza Patrícia, notória pelas condenações de integrantes de grupos de extermínio, atuava.

*com informações da Agência Estado

MARCOS DE PAULA/AGÊNCIA ESTADO/AE
Uma cruz foi fincada na areia da Praia de Icaraí em protesto contra a morte de Patrícia Acioli

    Leia tudo sobre: assassinatojuízacrimeemboscada

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG