Vítima, de 25 anos, foi achada morta em um canavial na cidade de Jaboatão dos Guararapes, em janeiro

Agentes da Subsecretaria de Inteligência da Secretaria de Estado de Segurança Pública do Rio de Janeiro prenderam na tarde desta terça-feira (29), em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, um suspeito de ter matado a promotora de vendas Cilane Maria Silvino, de 25 anos, encontrada morta em um canavial em Jaboatão dos Guararapes (PE), no dia 15 de janeiro.

O suspeito, identificado como Cláudio Soares do Ó, de 26 anos, foi flagrado em um camelódromo de Nova Iguaçu. Havia um mandado de prisão temporária expedida em nome de Cláudio pela 3ª Vara Criminal de Jaboatão dos Guararapes.

O corpo de Cilane apresentava sinais de violência sexual. Cláudio está preso na Polinter, no Andaraí, na zona norte da capital fluminense.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.