Prefeitura diz que vai indenizar famílias de vítimas de ataque no Rio

Valor e data do pagamento ainda não foram definidos pelo município

iG Rio de Janeiro |

Nesta sexta-feira (15), durante visita na Cidade de Deus, na zona oeste da cidade, o prefeito  do RIo de Eduardo Paes confirmou que o município pretende indenizar as famílias das vítimas do ataque à Escola Municipal Tasso da Silveira, em Realengo, na última quinta-feira. 

De acordo com a assessoria de imprensa da Prefeitura, o município já entrou em contato com o defensor público geral do estado e o procurador geral do município para calcular o valor da indenização. A prefeitura ainda não esclareceu se todas as famílias que tiveram os filhos baleados serão indenizadas. No ataque, 12 estudantes foram mortos e outros 12 feridos.

Mãe quer encontro com prefeito

Mãe da estudante Mariana Rocha de Souza, de 12 anos, uma das estudantes mortas no massacre, Noeli da Silva Rocha, de 38 anos, afirmou que vai retirar outro filho que está matriculado a escola. "Se eu tivesse poder, eu derrubava essa escola. Imagine para uma criança, que teve uma irmã morta, jamais vai ter condições de estudar lá de novo. Meu filho está traumatizado", reclamou.

A mãe de Mariana afirmou que está reunindo outros parentes de vítimas do massacre e pretende marcar um encontro com o prefeito Eduardo Paes para pedir providências . Segundo ela, um guarda municipal na porta da escola não vai resolver nada.

"Eu fui levar um lanche para o meu filho e não me deixaram entrar. Entretanto, um ex-aluno entrou armado na escola e matou 12 crianças", reclamou.

    Leia tudo sobre: ataqueescola tasso da silveiraindenização

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG