Prefeitura de Teresópolis manda abrir mais 300 covas no cemitério

Cidade tem quase 200 mortes, mas por estimativa da prefeituram já foram abertas 300 covas em cemitério

Agência Brasil |

Agência Brasil
Sepultamento em Teresópolis. Mais de 300 covas abertas

Embora o número total de mortos por causa das chuvas em Teresópolis ainda seja desconhecido, a prefeitura mandou mais de 300 covas no Cemitério Municipal Carlinda Berlim. Segundo o secretário municipal de Obras e Serviços Públicos, Luiz Antônio da Costa Jorge, a medida é uma precaução, baseada na estimativa do total de mortos na cidade.

Os primeiros sepultamentos foram de três pessoas de uma mesma família: Eliésia de Ameida (41 anos), o filho dela, Douglas (13), e a neta Larissa, de apenas um mês e meio. Eles moravam no bairro de Santa Rosa e tiveram a casa atingida por lama e pedras. Dos seis moradores da casa, três sobreviveram. Mais sete cemitérios de cidades vizinhas poderão receber as vítimas das chuvas na região serrana.

Vladimir Platonow/ABr
Primeiros corpos começam a ser sepultados no cemitério municipal

    Leia tudo sobre: Teresópolischuvas

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG