Polícia recupera esculturas furtadas de palacete no Rio

Obras estavam em uma casa no bairro de Guadalupe. Dois foram presos

iG Rio de Janeiro |

Fernando Quevedo / Agência O Globo
Estátuas roubadas de palacete foram localizadas em uma casa em Guadalupe
Policiais civis da 25ª DP (Engenho Novo) recuperaram na madrugada deste sábado (5) as esculturas que foram furtadas de um palacete localizado no bairro do Catete, na zona sul do Rio. As obras de arte estavam em uma casa em Guadalupe, na zona norte da cidade.

Divulgação
Escultura que representa Atalanta, personagem da mitologia grega, também foi recuperada
Dois homens foram presos no momento em que colocavam as estátuas em um caminhão. A polícia acredita que os suspeitos estariam levando as obras para um receptador especialista em arte. Os dois presos vão responder pelo crime de receptação.

A polícia chegou até a casa, situada na rua Roquelândia, após uma denúncia feita por vizinhos. Eles estranharam a movimentação na residência e acionaram os agentes.

Uma das estátuas recuperadas pertence ao catálogo da Val D´Osone, berço da fundição artística francesa. Ela representa Atalanta, personagem da mitologia grega.

Construído em 1862, o palacete São Cornélio foi tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) em 1938. No casarão já funcionou um asilo e um faculdade de medicina, mas atualmente ele está vazio. O palacete pertence à Santa Casa de Misericórdia.

    Leia tudo sobre: obras de artepalaceteroubo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG