Família de vítima teve que deixar sua casa após receber ameaças de criminosos

Policiais civis da 22ª DP (Penha) prenderam na madrugada desta sexta-feira (17) um traficante acusado de ter assassinado a tiros um eletricista em maio deste ano na Favela Nova Brasília, no Complexo do Alemão , na zona norte do Rio.

De acordo com os agentes, o crime ocorreu porque Wallace Moreira Amorim, de 31 anos, não teria permitido a existência de uma boca-de-fumo próximo a sua casa. Em represália, Júlio Cesar Lopes Faria, conhecido como Juninho, efetuou os disparos quando a vítima estava em um bar.

Após a morte do eletricista, a família dele começou a receber ameaças de traficantes que ainda atuam na Favela Nova Brasília e foi obrigada a abandonar a própria residência com medo de represálias. O complexo de favelas do Alemão está ocupado por forças militares desde novembro do ano passado.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.