Polícia prende suspeito de matar líder comunitário da Rocinha

Feijão foi morto em março. Ele era acusado de lavar o dinheiro para a quadrilha de Nem

iG Rio de Janeiro |

A Polícia Civil do Rio de Janeiro prendeu nesta quinta-feira (12) Thiago Martins Cafieiro, o FM. Ele é um dos suspeitos de ter matado o líder comunitário da favela da Rocinha, na zona sul, Vanderlan Barros de Oliveira, o Feijão, em março.

Leia também : Líder comunitário é assassinado na Rocinha

Segundo as investigações, FM teria agido em conjunto com um bandido conhecido como Vasquinho. Feijão morreu com um tiro na cabeça.

A polícia investiga se os dois agiram a mando do bandido Amaro Pereira da Silva, o Neto, que, atualmente, controla a parte baixa da Rocinha.

Feijão respondia a dois processos na Justiça acusado de lavar o dinheiro do antigo chefe do tráfico na Rocinha, Antônio Francisco Bonfim Lopes, o Nem, preso desde novembro.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG