Polícia prende quatro médicos por distribuição de medicamentos irregulares

A operação batizada de Beleza Pura prendeu quatro médicos, um farmacêutico e um empresário

Daniel Gonçalves, especial para o iG |

A Polícia Civil prendeu na manhã desta segunda-feira (13) seis pessoas suspeitas de distribuição de medicamentos e produtos irregulares em clínicas de bairros das zonas oeste e sul do Rio de Janeiro e também na baixada fluminense.

A operação batizada de "Beleza Pura" conta com equipes da Delegacia de Repressão a Crimes Contra a Saúde Pública (DRCCSP) e visa combater o comércio de produtos sem autorização da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) ou falsificados.

Dos seis detidos, quatro são médicos, um é farmacêutico e um é empresário. Um dos médicos é capitão da Polícia Militar. Segundo a polícia, os medicamentos sem registro são comercializados também em residências e consultórios de estética.

Entre os produtos que eram comercializados estão a toxina botulínica ( conhecido como Botox), o gliconato hidrolático de magnésio, o polimetilmetacrilato e o ácido hialurônico. A operação também é realizada na cidade de Anápolis, em Goiás.

    Leia tudo sobre: saúdemedicamentospolícia

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG