Polícia prende 14 em operação para desarticular milícia no Rio

Entre os detidos, está um delegado aposentado da Polícia Federal

Raphael Gomide, iG Rio de Janeiro |

Agência O Globo
Policiais fazem buscas em imóvel em Copacabana durante operação contra milícia

Catorze pessoas foram presas em uma operação da Polícia Civil realizada nesta quarta-feira (27) contra uma quadrilha de milicianos com atuação no bairro da Taquara, em Jacarepaguá, zona oeste do Rio. Entre os detidos, está um delegado aposentado da Polícia Federal.

De acordo com a Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco), os criminosos atuavam desde 1998 nas regiões da Pedra Branca, Santa Maria, Pau da Fome, Estrada dos Teixeiras, Estrada do Rio Pequeno e Estrada do Rio Grande.

Segundo as investigações, que tiveram início há seis meses, os integrantes da quadrilha arrecadavam aproximadamente R$ 200 mil por mês com exploração ilegal de serviços, como fornecimento de gás, sinal de TV a cabo, sinal de internet e transporte alternativo, e cobrança de taxa por segurança.

Os milicianos também realizavam grilagem de terras, ou seja, tomavam posse dos terrenos sob ameaças e transferiam os títulos de propriedade para eles. Além do delegado aposentado, integravam o grupo um comissário da Polícia Civil, um soldado da Polícia Militar, um guarda municipal, dois militares da Aeronáutica e dois advogados.

No total, 120 policiais participam da ação. Foram expedidos 16 mandados de prisão e 35 de busca e apreensão. Durante o cumprimento dos mandados, os agentes recolheram seis armas e mais de 70 munições de diversos calibres.

A operação é realizada em parceria com o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), do Ministério Público Estadual. Também colaboram a Corregedoria Geral Unificada (CGU) e a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-RJ).

*com Agência Estado

    Leia tudo sobre: milíciamilicianospolícia federal

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG