Polícia prende 12 torcedores de Flamengo e Vasco no Rio

Eles são suspeitos de crimes como tentativa de homicídio, homicídio, formação de quadrilha, lesão corporal e porte ilegal de arma

Bruna Fantti e Daniel Gonçalves, especial para o iG |

A Polícia Civil prendeu 12 pessoas nesta quarta-feira na Operação Holligans, que tem o objetivo de combater torcidas organizadas do Flamengo e do Vasco envolvidas em brigas em diversas partes da Região Metropolitana do Rio de Janeiro. Os agentes estão nas ruas para cumprir 19 mandados de prisão e 23 de busca e apreensão.

Os torcedores detidos são suspeitos de tentativa de homicídio, formação de quadrilha, homicídio, lesão corporal e porte ilegal de arma. Entre os presos estão os líderes da Força Jovem Vasco e Torcida Jovem do Flamengo, um policial militar e um dos filhos da secretária de Educação de Itaboraí.

De acordo com a polícia, foram apreendidas oito máquinas caça-níqueis em um bar, que pertenceria a uma das organizadas, além de notebooks e celulares.

A ação é comandada pela 73ª DP (Neve) e conta com agentes da Divisão de Homicídios e diversas especializadas. As bucas se concentraram em Niterói, São Gonçalo e Itaboraí.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG