Polícia hasteia bandeira do Brasil no alto do Complexo

Local é o ponto mais alto do conjunto de favelas que era tido como fortaleza de uma das maiores facções criminosas do Rio

iG Rio de Janeiro |

A Polícia Civil, que ocupa o Complexo do Alemão, conjunto de favelas na zona norte do Rio, às 13h30 deste domingo (28) no ponto mais alto da comunidade bandeiras do Rio e do Brasil para simbolizar o domínio do Estado sobre a região, antes dominada por traficantes de uma das maiores facções do Estado.

A primeira a ser erguida, foi a bandeira do Estado. Logo depois a do país foi hasteada. O símbolo da conquista ocorre depois de cinco horas e meia de ocupação, que concentra mais de dois mil homens, entre policiais civis, militar, federais e militares do Exército.

As bandeiras foram hasteadas no topo de um morro onde está sendo construído um teleférico que ligará Ramos a Bonsucesso. Previsto nas obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), o teleférico ainda não foi instalado.

Em abril de 2008, quando o Batalhão de Operações Especiais (Bope), ocupou a Vila Cruzeiro, a bandeira hasteada foi a da corporação, e não as do país e do Estado.

Agência Estado
Bandeiras do Brasil e do Rio de Janeiro são hasteadas no alto do Alemão

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG