Médicos, pacientes e funcionários foram detidos no local

Policiais da Delegacia Especial de Atendimento à Mulher da Polícia Civil do Rio de Janeiro fecharam na manhã desta terça-feira (16) uma clínica de estética que funcionava como fachada para uma clínica de aborto, em Cordovil, na zona norte da capital.

No local foram detidas pacientes, médicos e funcionários.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.