Engenheiro foi morto com um tiro, durante possível tentativa de assalto em um dos acessos à Ponte Rio-Niterói

Policiais da Divisão de Homicídios buscam por imagens feitas pelas câmeras próximas aos acessos à Ponte Rio-Niterói, no Caju, na Zona Portuária do Rio, onde o engenheiro Fábio Luiz Cunha, de 44 anos, foi morto com um tiro na noite desta terça-feira (13).

Leia também : 'Maníaco da Cantareira' é condenado a 57 anos por estupros e assassinatos

Segundo testemunhas, a vítima estava em uma moto e seguia para casa, no município de São Gonçalo, na Região Metropolitana, quando foi parado por dois homens que estavam em outra moto. Durante a abordagem, o carona teria feito três disparos de pistola. Um dos tiros acertou Cunha, que morreu na hora.

Os suspostos assaltantes fugiram pela contramão, em direção à favela Parque Alegria, também no Caju. O assassinato ocorreu a 100 metros de uma cabine da Polícia Rodoviária Federa (PRF) que estava vazia, pois funciona somente como ponto de apoio operacional durante operações.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.