Material foi achado na comunidade do Mandela. Três fuzis foram recolhidos

Cerca de 3.000 munições de diversos calibres, três fuzis de origem belga e uma espingarda calibre 44, foram apreendidos na manhã desta quinta-feira (17) por policiais civis da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF). O material foi encontrado próximo a um valão, no interior da favela do Mandela, no Complexo de Manguinhos, na zona norte do Rio de Janeiro

De acordo com o delegado Fábio Asty, o material apreendido foi usado por traficantes do Complexo do Alemão, e que foi retirado daquela comunidade na ocasião da ocupação iniciada em novembro. Entre os calibres das munições, havia de metralhadora ponto 30, arma usada para derrubar aeronaves.

Segundo as investigações, todo o material seria transportado nesta quinta-feira para outra localidade dominada pelo tráfico de drogas.

Tiroteio e apreensão

No Complexo de Favelas do Caju, na zona portuária, PMs do Bope (Batalhão de Operações Especiais) trocaram tiros com traficantes. Dois suspeitos foram baleados e levados para o Hospital Federal de Bonsucesso, na zona norte. Com eles, foram apreendidos um fuzil, uma submetralhadora e uma granada.

Na comunidade do Rola, em Santa Cruz, na zona oeste, PMs apreenderam uma submetralhadora de fabricação argentina que estava enterrada em um terreno baldio, além de uma granada de uso exclusivo das Forças Armadas.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.