PF estoura mais uma central de TV à cabo ilegal na Baixada

Outros dois locais de distribuição clandestina já foram desativados

Daniel Gonçalves, especial para o iG |

Policiais Federais estouraram nesta quarta-feira mais uma central de distribuição clandestina de sinal de televisão no Bairro da Posse, em Nova Iguaçu. Os agentes chegaram ao local após receberem denúncia anônima. Ontem outras duas centrais já haviam sido desativadas. A primeira em Engenheiro Pedreira e a segunda em Xerém. Na ocasião uma pessoa foi presa. Ao menos 10 mil usuários utilizavam os serviços ilegais fornecidos pelas "gatonets".

Na segunda-feira, a PF desarticulou uma quadrilha que explorava sinal de TV à cabo. O serviço tinha até um nome: Nova Baixada. Segundo informações da polícia, eram 30 mil assinantes e um faturamento mensal de R$ 500 mil, por mês.

Leia mais:

Empresa clandestina de TV a cabo tinha 30 mil clientes no Rio

http://ultimosegundo.ig.com.br/brasil/rj/empresa+clandestina+de+tv+a+cabo+tinha+30+mil+clientes+no+rio/n1237665539670.html

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG