Partes de corpos são encontradas em depósito de entulho, no Rio

Segundo o coronel Sérgio Simões, cinco seguem desaparecidos e outros 17 corpos já foram encontrados

iG Rio de Janeiro |

Bombeiros do Rio de Janeiro que fazem buscas por corpos de vítimas do desabamento, em entulhos levados para um depósito, em Duque de Caxias, acharam quatro partes de corpos.

De acordo com a Polícia Civil, os restos mortais foram levados para o Instituto Médico Legal (IML) e agora precisam passar por uma  perícia para esclarecer se pertencem aos corpos que já foram encontrados ou se fazem parte de outras vítimas ainda não resgatadas.

Cinco continuam desaparecidos

O comandante do Corpo de Bombeiros e Secretário Estadual da Defesa Civil, o coronel Sérgio Simões, pediu a Secretaria Municipal de Assistência Social para fazer uma revisão no número de pessoas que estavam desaparecidas após o desabamento de três prédios no Centro do Rio de Janeiro. Nesta nova análise foi apurado que seriam 22 vítimas da tragédia, sendo que 17 já foram encontradas e cinco continuam desaparecidas.

O coronel, que está no local do desabamento acompanhando as buscas, declarou à imprensa também que vai liberar a Rua Treze de Maio para os pedestres na segunda-feira (30). Tapumes de madeira já estão sendo colocados para isolar a calçada onde aconteceu o desabamento. Segundo ele, as buscas irão prosseguir e não têm prazo para terminar.

O edifício Capital, que fica ao lado do prédio que desabou, continuará interditado e não tem prazo para ser liberado. Apesar de não haver risco de desabamento, três andares desse edifício foram atingidos por escombros.

A respeito dos corpos que ainda faltam ser encontrados, Simões não descarta a possibilidade que tenham sido levados junto com os escombros para o aterro sanitário em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. Um corpo foi encontrado no depósito na sexta-feira (27).

    Leia tudo sobre: desabamento de prédiorio de janeiro

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG