Operação policial deixa dois mortos no complexo de Manguinhos

Um dos suspeitos era ex-soldado do Exército e portava um fuzil

iG Rio de Janeiro |

Carlos Ivan / Agência O Globo
PMs reforçam patrulhamento durante operação no Complexo de Favelas de Manguinhos
Dois jovens morreram em uma incursão realizada na manhã desta sexta-feira (4) pelo Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) no Complexo de Favelas de Manguinhos, na zona norte do Rio de Janeiro. De acordo com PM, as duas vítimas fatais eram suspeitas de terem ligação com o tráfico de drogas na região.

Leia também: Traficantes em fuga invadem colégio estadual no Rio

Um dos mortos foi identificado como Thiago Levi Brandão, de 22 anos. Ele era ex-soldado do Exército e portava um fuzil durante uma troca de tiros com a polícia. O outro jovem morto era primo dele e foi identificado como Rafael Levi de Oliveira, de 17 anos.

Em um condomínio residencial construído com verbas do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), os policiais encontraram uma boca de fumo montada com um telhado e um sofá. O local foi incendiado pelos agentes.

Na ação, também foram apreendidas drogas, uma pistola e munições. A incursão em Manguinhos contou com o apoio de soldados do Batalhão de Choque, dois veículos blindados e um helicóptero.

    Leia tudo sobre: manguinhosbopeoperação policial

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG