Número de roubos de veículos cai 19% no Estado do Rio em janeiro

Estatísticas indicam queda de homicídios dolosos e de mortes em confrontos com a polícia. Roubos em coletivos e lojas cresceram

iG Rio de Janeiro |

Estatísticas divulgadas nesta terça-feira (15) pelo Instituto de Segurança Pública (ISP) revelam que, em janeiro deste ano, o número de roubos de veículos diminuiu em janeiro no Estado do Rio de Janeiro. Segundo o órgão, foram 1.574 casos em 2011 contra 1.945 no ano passado, uma queda de 19,1%.

O número de autos de resistência (mortos em confrontos com a polícia) caíram 20,8% em relação ao mesmo período de 2010. Foram registrados 61 casos em 2011 contra 77 no ano passado.

A análise do ISP indica uma queda de 4,8% no número de homicídios dolosos (quando há intenção de matar). Em janeiro deste ano, foram 426 registros. Em 2010, 447 casos.

Segundo o ISP, houve diminuição nas ocorrências de roubos a transeuntes. Em janeiro de 2010, o número de registros foi de 5.292. Neste ano, foram 4.775, uma redução de 9,8%.

O número de roubos em coletivos cresceu em janeiro deste ano. De acordo com o ISP, em janeiro do ano passado, o número de ocorrências foi de 568. Em 2011, passou para 621, um acréscimo de 9,3%.

Cresceram também os assaltos a estabelecimentos comerciais. Foram 373 registros em janeiro de 2010 e 409 no mesmo período deste ano, um aumento de 9,7%.

As estatísticas do ISP indicam ainda um aumento significativo no número de sequestros relâmpagos, crime que é registrado nas delegacias como extorsão momentânea de privação de liberdade. De acordo com o órgão, em janeiro deste ano foram computados 14 casos contra cinco no mesmo período de 2011.

Estatísticas trimestrais

O ISP também divulgou a comparação dos números do trimestre novembro e dezembro de 2010 e janeiro deste ano com o mesmo período do ano anterior.

Nesta análise, os homicídios dolosos apresentaram queda de 11,3%, os roubos de veículos diminuíram 18,2%, os assaltos a pedestres caíram 10,3% e os roubos em coletivos tiveram uma redução de 5,7%.

    Leia tudo sobre: estatísticassegurançapúblicaRio

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG