Multada concessionária por vazamento de esgoto em Niterói

Uma auditoria será feita nas estações de tratamento de esgoto da empresa para evitar que acidentes semelhantes voltem a acontecer

AE |

selo

Agência O Globo
Rompimento de parede da estação de tratamento de esgoto deixou oito feridos e um rastro de lama

A Secretaria de Estado do Ambiente (SEA) e o Instituto Estadual do Ambiente (Inea) multaram a concessionária Águas de Niterói em R$ 110 mil pelo vazamento de cerca de seis milhões de litros de esgoto da Estação de Tratamento Toque-Toque, no centro do município de Niterói, na Região Metropolitana do Rio.

No último domingo, a parede lateral da ampliação da estação cedeu e o esgoto invadiu ruas e arrastou carros da região. O motivo do incidente ainda é investigado. A concessionária afirmou que vai indenizar as pessoas afetadas pelo ocorrido. Oito pessoas ficaram feridas no acidente.

Além da multa, uma auditoria ambiental nas estações de tratamento de esgoto da empresa será feita para evitar que acidentes semelhantes voltem a ocorrer. A concessionária será obrigada a instalar duas ecobarreiras em rios que deságuam na Baía de Guanabara e a implantar um programa de recolhimento de lixo flutuante na baía.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG