Morre jovem que passou por cinco hospitais no Rio

Gabriel chegou a fazer exames, mas não foi autorizado a ficar internado

AE |

selo

Gabriel Santos de Sales, de 21 anos, morreu às 5h de hoje no hospital municipal Salgado Filho, no Méier (zona norte do Rio), 10 dias após percorrer cinco unidades de saúde e 88 km em busca de atendimento médico.

No dia 19, enquanto consertava uma antena, Sales caiu da laje de casa, em Xerém, distrito de Duque de Caxias (Baixada Fluminense). Na queda, de oito metros de altura, o rapaz sofreu traumatismo craniano e problemas neurológicos. Levado ao posto de saúde de Xerém, em Duque de Caxias (Baixada Fluminense), não foi atendido por falta de equipamentos.

Sales foi levado ao Hospital Adão Pereira Nunes, também em Duque de Caxias, mas novamente não conseguiu atendimento. Foi então ao Hospital Estadual Getúlio Vargas, na Penha (zona norte do Rio), mas não obteve tratamento.

A parada seguinte foi no Hospital Municipal Souza Aguiar, no centro do Rio. Depois passou pelo Hospital Carlos Chagas, em Marechal Hermes, na zona oeste.

Segundo a família, Gabriel chegou a fazer exames, mas não foi autorizado a ficar internado. Já era 23h quando Gabriel chegou ao Hospital Salgado Filho, onde finalmente conseguiu atendimento.

No dia 21, dois chefes do hospital Getúlio Vargas foram exonerados.

    Leia tudo sobre: SaúdeRio de Janeirofalta de atendimentohospital

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG