Segundo concessionária, agente agiu com uso indevido da força. Passageiro teria sido supostamente agredido

A concessionária que administra o Metrô do Rio de Janeiro demitiu nesta sexta-feira (29) o segurança envolvido em uma confusão na estação de Botafogo, na zona sul, na noite da última terça-feira (26). Na ocasião, um passageiro foi supostamente agredido e um outro levou uma gravata.

Segundo nota, o agente atuou com uso indevido da força, em desacordo com a conduta padrão da empresa. Um segundo segurança que também se envolveu no episódio está afastado das funções e passará por reciclagem.

Imagens do tumulto foram divulgadas pela TV Globo. As gravações mostraram um segurança levando um passageiro que supostamente teria pulado a roleta para uma cabine. No local, o homem aparece caído no chão e parecendo sentir dores.

Uma outra imagem mostrou um passageiro levando uma gravata de um guarda. Há também trechos em que os seguranças aparecem gritando com clientes, que teriam se revoltado com o tratamento dado aos outros dois.

Além de demitir um funcionário e afastar outro, o Metrô ainda pediu desculpas publicamente pela confusão ocorrida em Botafogo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.