Menor é apreendido com granada e pistola em favela pacificada no Rio

Houve confronto com a policiais da UPP do São Carlos que foi instalada em fevereiro e abrange um conjunto de nove favelas

iG Rio de Janeiro |

Um menor foi apreendido após trocar tiros com policiais da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) do Conjunto de Favelas do São Carlos, que inclui morros da zona norte e da região central do Rio. Segundo os PMs, um grupo de militares fazia patrulhamento de rotina no Morro do Querosene, no Rio Comprido, quando encontrou pessoas em atitudes suspeitas.

Leia também: Em agosto, outro menor com granadas foi apreendido na região

Houve confronto e um menor acabou detido. Com ele a polícia apreendeu uma pistola e uma granada. Os outros suspeitos conseguiram fugir. Policiais do Batalhão de Choque, instalado próximo ao conjunto de favelas, foram chamados para dar apoio aos agentes da UPP.

O caso foi registrado na 6ª DP (Cidade Nova).

A PM informou que o confronto ocorreu durante a madrugada e que desde o início da manhã deste domigo a situação no conjunto de favelas está normalizada.

PM teve perna amputada no conjunto de favelas

Em junho, o soldado PM Alexsander de Oliveira teve a perna direita amputada após ser atingido por uma granada lançada por bandidos do Morro da Coroa , que integra o conjunto de favelas do São Carlos. O Alexsander e outros policiais foram alvejados no momento em que checavam uma denúncia de que traficantes estavam reunidos em um beco na favela.

Além de ter a perna amputada, o soldado também sofreu fraturas expostas no braço esquerdo e no pé esquerdo. Os outros policiais foram atingidos por estilhaços.

No dia do ataque ninguém foi preso. Os policiais, no entanto, apreenderam uma pistola 9mm no local.

    Leia tudo sobre: menorgranadauppmenor apreendido

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG