Menor de 14 anos morre em confronto com o Exército no Complexo da Penha

Segundo a Força de Pacificação, jovem estava com dois suspeitos. Grupo fugiu e efetuou disparos quando militares se aproximavam

iG Rio de Janeiro |

Um adolescente de 14 anos morreu durante uma troca de tiros entre supostos traficantes e militares do Exército na favela da Chatuba, no Complexo da Penha, na zona norte do Rio de Janeiro, na noite desta segunda-feira (26).

As informações foram confirmadas pela sala de polícia do Hospital Getúlio Vargas, na Penha, onde o menor deu entrada após ser baleado.

Segundo a tropa da Força de Pacificação, que ocupa os complexos da Penha e do Alemão desde o ano passado, o menor estava com outros dois homens que carregavam mochilas. O Exército suspeita que, no local, funcionaria uma boca de fumo. Ao perceberem a aproximação dos militares, os três tentaram fugir e efetuaram disparos contra a tropa.

Houve troca de tiros e o adolescente acabou atingido. Segundo o Exército, o rapaz foi socorrido pela tropa e levado para o Getúlio Vargas mas morreu.

Os outros dois suspeitos conseguiram fugir.

    Leia tudo sobre: complexo da PenhaexércitoRio de Janeiro

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG