Menina de seis anos morre após ser baleada no peito durante tiroteio no Rio

Policiais civis foram atacados por criminosos nas imediações da favela Parque Alegria, no Caju

iG Rio de Janeiro |

Uma menina de seis anos morreu após ser baleada no peito na manhã desta segunda-feira (5) durante uma troca de tiros entre policiais civis e criminosos nas imediações da favela Parque Alegria, no Caju, na zona portuária do Rio de Janeiro. As informações foram passadas pela assessoria de imprensa do Hospital Federal de Bonsucesso, na zona norte, onde ela foi internada.

A garota, identificada como Juliane Rodrigues, sofreu lesões no pulmão e no fígado e estava no CTI (Centro de Terapia Intensiva) da unidade. Ela morreu pouco antes das 16h, segundo o hospital.

Um morador da comunidade também foi alvejado e está no Hospital Souza Aguiar, no centro. Ainda não há informações sobre o seu estado de saúde.

Segundo a Polícia Civil, agentes da Acadepol (Academia de Polícia Civil) e da CGU (Corregedoria Geral Unificada) da Secretaria de Segurança se dirigiam para o stand de tiro da corporação quando foram atacados por criminosos que estavam em uma motocicleta. Um dos bandidos tinha um fuzil.

Os policiais reagiram e houve troca de tiros. Um dos suspeitos acabou morto. As armas usadas pelos agentes foram apreendidas para a perícia;

    Leia tudo sobre: bala perdidamortefavela

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG