Mãe das quatro crianças achadas queimadas é presa

Caso ocorreu na Baixada Fluminense. Vítimas estão em estado grave. Uma delas teve 90% do corpo atingido

iG Rio de Janeiro |

A mãe das quatro crianças que foram achadas queimadas em uma casa em São João de Meriti, na Baixada Fluminense, nesta sexta-feira (27), foi presa e indiciada por abandono de incapaz, segundo informações da Polícia Civil.

De acordo com a polícia, Mariana Nascimento Batista contou inicialmente que deixou as crianças com o padrasto e foi até a casa de uma cunhada. Entretanto, policiais que foram socorrer as vítimas na residência não viram o homem no local.

As crianças, de cinco, seis, oito e dez anos, estão em estado grave. Uma delas, Jonathan Batista Pinto, de oito, teve 90% do corpo atingido e está internado no Hospital Municipal Souza Aguiar, no centro do Rio

Késia Cristina Batista Pinto, de cinco anos, sofreu queimaduras em 70% do corpo e segue internada no Hospital Estadual Adão Pereira Nunes, em Duque de Caxias, também na baixada. Seu irmão, Jonathan Gabriel Batista Pinto está na mesma unidade com 60% do corpo queimado.

Mateus Roberto do Nascimento Batista teve cerca 50% do corpo atingido e está internado no Hospital Estadual Albert Schweitzer, em Realengo, na zona oeste da capital.

O padrasto das vítimas foi indiciado por omissão de socorro mas não ficou preso.

    Leia tudo sobre: mãecrianças queimadaspresa

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG