Lula chega para a cremação da mãe de Chico Buarque

Ao lado do governador do Rio, Sérgio Cabral, presidente não falou com a imprensa. Memélia morreu dormindo, quinta, aos 100 anos

Raphael Gomide, do iG Rio de Janeiro |

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva chegou há pouco ao Cemitério Memorial do Carmo, no Caju, no Rio de Janeiro, para o velório e cremação do corpo de Maria Amélia Buarque de Hollanda, mãe do compositor Chico Buarque. Memélia, como era conhecida a viúva do historiador Sérgio Buarque de Hollanda, morreu quinta-feira, aos 100 anos, dormindo.

Lula chegou ao lado do governador do Rio, Sérgio Cabral, e não falou nem acenou à imprensa. A cerimônia, fechada, será às 13h30 horas. Chico Buarque chegou dez minutos depois, ao meio-dia.

Lula esteve no aniversário de 100 anos de Maria Amélia, como era conhecida a viúva do historiador Sérgio Buarque de Hollanda, em janeiro.

A ligação entre o presidente e Maria Amélia vem desde o início da década de 1980, quando o PT foi fundado. Ela teve sete filhos, 14 netos e 14 bisnetos.

    Leia tudo sobre: LulaMeméliaMaria Améliacajucremação

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG