Líder religioso é assassinado na zona sul do Rio

Presidente da sociedade de Ifá e Cultura Afro-Cubana foi morto a tiros na terça-feira (1); polícia investiga crime passional

iG Rio de Janeiro |

O presidente da Sociedade de Ifá e Cultura Afro-Cubana no Brasil e jornalista Rafael Zamora Diaz, de 51 anos, foi morto a tiros, no final da noite desta terça-feira (1), no Cosme Velho, zona sul da cidade.

Ele era cubano e morava havia 20 anos no Brasil. A polícia investiga a possibilidade do crime ter motivação passional, pois familiares contaram à polícia que Diaz tinha um relacionamento amoroso com uma mulher casada. A investigação será conduzida por policiais da Divisão de Homicídios.

O Ifá é uma religião de origem africana que possui semelhanças com o Candomblé.

    Leia tudo sobre: ifáviolência

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG