Justiça do Rio concede habeas corpus a 12 bombeiros que lideraram greve

Dois dos militares foram soltos hoje pela manhã, segundo o TJ

AE |

selo

A Justiça do Rio de Janeiro concedeu neste fim de semana habeas corpus para os 12 bombeiros que estavam presos em razão de terem liderado a greve da categoria, de PMs e policiais civis, que ocorreu entre os dias 9 e 13 deste mês.

Leia também : PMs, bombeiros e policiais civis encerram a greve no Rio

Dois bombeiros que estavam detidos no Grupamento Especial Prisional (GEP) da corporação, em São Cristóvão, na zona norte do Rio de Janeiro, foram soltos nesta manhã, segundo informações do Tribunal de Justiça do Rio.

Na última quinta-feira (16), a Justiça já havia autorizado a transferência para as respectivas unidades prisionais da corporação de 12 bombeiros e 10 policiais militares que foram indiciados por conclamar e incitar o movimento grevista e que estavam presos na penitenciária Bangu 1, na zona oeste.

    Leia tudo sobre: grevePMsbombeiros

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG