Justiça decreta prisão da mãe de criança agredida no Rio

Menina de 4 anos foi encontrada com marcas de violência pelo corpo

Agência Estado |

A Justiça do Rio de Janeiro decretou na última segunda-feira a prisão preventiva de Ana Paula Pereira da Silva, mãe da menina de 4 anos encontrada com marcas de violência pelo corpo em São Pedro da Aldeia, na Região dos Lagos.

O padrasto da menina, Marcos Estevão Benevides, foi preso em flagrante pelo crime de tortura em 8 de junho, dia em que a criança foi encontrada por vizinhos trancada em casa com marcas de espancamento.

Ana Paula deu à luz ao segundo filho na quarta-feira e está sob custódia. Ela deve ser levada à prisão assim que receber alta. O destino do recém-nascido ainda será definido pela Justiça.

A criança agredida ficou dois dias em um abrigo do município até ser levada pelo pai biológico de volta para a cidade de Alhandra, na Paraíba.

    Leia tudo sobre: Torturacriança agredida

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG