Incêndio destrói camelódromo no centro do Rio

Pelo menos duas mulheres passaram mal e precisaram ser atendidas, segundo os bombeiros

Anderson Dezan, iG Rio de Janeiro |

Um incêndio de grandes proporções destruiu na tarde desta segunda-feira parte de um camelódromo localizado próximo à estação Central do Brasil, no centro do Rio de Janeiro. Homens dos quartéis Central e de Caju ainda tentam controlar as chamas. A fumaça é espessa e pode ser vista de longe.

De acordo com os bombeiros, ninguém ficou ferido, mas duas mulheres passaram mal e chegaram a desmaiar. Elas foram socorridas por ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

© AP
Incêndio de grandes proporções destrói comércio popular no Rio

Conforme testemunhas, o fogo teve início por volta das 16h15 a partir da explosão de um botijão de gás em uma padaria do camelódromo. Segundo funcionários que trabalhavam na padaria, um escapamento de gás já podia ser notado desde ontem. A reportagem do iG tentou localizar o dono do estabelecimento, mas ele não foi encontrado.

O fogo se alastrou rapidamente e houve pânico entre vendedores e clientes. Os camelôs chegaram a tentar conter o fogo com água, mas não tiveram sucesso. Houve correria e algumas bancas foram saqueadas.

Aqueles que não foram atingidos pelas chamas tentaram desesperadamente salvar alguns objetos. A área está isolada e é grande o número de curiosos no local. Policiais do Batalhão de Choque estão na região para fazer a segurança.

“Perdemos tudo, agora não sei o que fazer. O jeito vai ser construir tudo novamente”, disse, aos gritos, uma comerciante que preferiu não se identificar.

Uma perícia irá determinar as causas do incêndio. O funcionamento da estação de trem da Central do Brasil não chegou a ser prejudicado pelo incêndio, segundo a concessionária Supervia.

    Leia tudo sobre: incêndioRio de Janeiro

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG