Homens são detidos tirando fotos seminus em frente a uma cabine policial

Rapazes tinham saído de uma boate e disseram que as imagens eram uma brincadeira

iG Rio de Janeiro |

Fernando Quevedo / Agência O Globo
Jovens abaixaram as calças e tiraram fotos em frente a uma cabine da Polícia Militar
De plantão em uma cabine localizada na Cinelândia, no centro do Rio, um sargento da Polícia Militar precisou deixar o posto durante a madrugada desta sexta-feira (5) para ir ao banheiro. Ao retornar, ele ficou incrédulo com a cena que presenciou: três homens, com idades entre 27 e 29 anos, tiravam fotos em frente à cabine da PM com as calças abaixadas, mostrando as nádegas.

De acordo com a corporação, os jovens tinham acabado de sair de uma boate localizada na Avenida Rio Branco. Ao presenciar a cena, o sargento de plantão pediu reforço à Polícia Militar e apreendeu a máquina digital dos rapazes.

O trio foi encaminhado para a 5ª DP (Mem de Sá), onde esconderam o rosto ao serem abordados pela imprensa. Em depoimento, eles alegaram que as fotos eram, na verdade, uma brincadeira. Segundo a polícia, as imagens seriam postadas na rede social Facebook.

Rodrigo Feyth de Negreiros, de 29 anos, Gabriel Varela Ximenes do Prado, 28, e Felipe Jones, 27, foram autuados por ato obsceno e liberados após assinarem um termo se comprometendo a comparecer quando forem convocados pela Justiça. Por causa das fotos, os rapazes poderão pegar de três meses a um ano de detenção. A pena, no entanto, pode ser convertida em pena alternativa.

Assista ao vídeo sobre o caso:

Caso não consiga ver este vídeo, clique no link abaixo para assistir na TV iG:

Jovens são presos após usar cabine da PM para tirar fotos sem roupa no Rio

    Leia tudo sobre: ato obscenocabine policialimagens obscenas

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG