Homem morre em incêndio em navio da Transpetro no Rio

Fogo ficou confinado na praça de máquinas e não causou dandos à estrutura da embarcação

iG Rio de Janeiro |

Um oficial de náutica morreu na noite deste domingo (18) durante um incêndio em um navio da Transpetro, empresa subsidiária da Petrobras responsável pelo transporte de combustíveis. Segundo nota divulgada pela companhia, o incidente teve início por volta das 21h na praça de máquinas da embarcação Diva.

O navio estava a 25 milhas náuticas (aproximadamente 46 km) do litoral do município de Maricá, na Região dos Lagos do Estado do Rio de Janeiro, quando o fogo começou. Rosynaldo Marques dos Santos morreu durante o combate ao incêndio.

De acordo com a Transpetro, as chamas foram controladas por volta das 12h30 desta segunda-feira (19) pela tripulação, composta por 32 pessoas. O trabalho contou com o apoio de rebocadores deslocados para a região. O incêndio ficou confinado no compartimento da praça de máquinas, distante dos tanques de carga da embarcação. Não houve danos à estrutura do navio, que vai ser rebocado para o Rio de Janeiro.

A Transpetro informou que a embarcação havia passado por uma manutenção no início do ano e operava normalmente desde então, atuando no transporte de óleo diesel para abastecimento a rebocadores da Bacia de Campos. Uma comissão interna foi criada para investigar as causas do acidente e, segundo a empresa, a Marinha do Brasil e as demais autoridades competentes foram devidamente comunicadas.

    Leia tudo sobre: incêndiotranspetropetrobras

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG