Suspeito de 22 anos ainda fez disparos a esmo na comunidade e acabou preso

Um homem de 22 anos foi preso na madrugada deste sábado (25) suspeito de fazer disparos a esmo no morro do Salgueiro, na Tijuca, na zona norte do Rio de Janeiro, que está ocupada desde o ano passado por uma UPP (Unidade de Polícia Pacificadora).

Segundo a PM, o mesmo acusado agrediu a filha de dois anos com coronhadas na cabeça e ainda espancou a mulher.

As duas vítimas foram levadas para uma UPA (Unidade de Pronto-Atendimento) no bairro. Com o suspeito, foi apreendida uma pistola.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.