Governo do Rio antecipa reajustes a policiais e bombeiros

Medida foi tomada um dia antes da realização de assembleias que podem decidir por uma greve na sexta-feira

Agência Brasil |

O governo do Rio de Janeiro decidiu antecipar reajustes salariais para policiais militares e bombeiros. A medida ocorre às vésperas de assembleias das categorias para decidir sobre uma possível paralisação na sexta-feira (10).

Leia também : Tensão entre tropas federais e policiais aumenta na Bahia

Em nota divulgada na noite desta quatta-feira (8), o governo fluminense se comprometeu a mobilizar sua bancada na Assembleia Legislativa (Alerj) para antecipar reajuste de 26% que seria concedido em outubro de 2013 para fevereiro de 2013. O reajuste causará um impacto de R$ 350 milhões aos cofres do estado.

Também já está prevista nova reposição salarial em fevereiro de 2014, seguindo o índice de inflação, além de auxílio-transporte no valor de R$ 100.

Leia também : Greve de policiais ameaça Carnaval na Bahia

As medidas a serem tomadas, em caso de uma greve no setor, foram discutidas pelo governador Sérgio Cabral e a cúpula da segurança esta noite.

Ontem, o reajuste das categorias seria votada na Alerj mas houve adiamento em razão de várias emendas ao projeto de lei. A votação está prevista para amanhã (9).

    Leia tudo sobre: reajuste PMsgreve

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG