Fotógrafo baleado no Complexo do Alemão recebe alta

Paulo Brandão Whitaker levou tiro no ombro durante os ataques no Rio

Agência Estado |

selo

O fotógrafo da agência de notícias Reuters Paulo Brandão Whitaker, de 50 anos, teve alta do Hospital Pasteur, no Méier, zona Norte do Rio de Janeiro na tarde deste sábado, segundo a assessoria de imprensa do hospital. Paulo estava internado desde ontem no Centro de Terapia Intensiva (CTI).

Ele foi atingido no ombro esquerdo por uma bala perdida durante confronto entre a polícia e bandidos. Ele deve voltar hoje para São Paulo, onde mora.

"Nós da imprensa também estamos cumprindo nosso papel, ou seja, registrando os acontecimentos para manter a população informada. Felizmente, eu estava usando um colete à prova de bala e, isso minimizou muito a gravidade do meu ferimento. Mas, assim que puder estou pronto para retornar ao trabalho", disse na saída do hospital.

De acordo com o médico Roberto Calheiros, chefe do Serviço de Emergência do Pasteur, Paulo terá de realizar acompanhamento ambulatorial, para troca do curativo e permanecer com medicação analgésica e anti-inflamatória por 15 dias.

    Leia tudo sobre: rioviolência

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG