Falso corregedor preso é funcionário da Prefeitura do Rio

Everton Miranda de Ramalho foi preso em sua casa, onde foram apreendidos 2 revólveres, uma pistola e uma camisa da Polícia Civil

AE |

selo

O homem preso nesta quarta-feira, em flagrante, no Rio de Janeiro, acusado de se passar por corregedor da Polícia Civil, é funcionário da Secretaria Municipal de Transportes da cidade. Segundo o órgão, Everton Miranda de Ramalho, de 47 anos, é servidor público há cerca de 20 anos e trabalhava na extinta Superintendência Municipal de Transportes Urbanos (SMTU), autarquia que fiscalizava o sistema de transportes do Rio, e foi transferido para a Sede da Secretaria, onde atuava como motorista e dava apoio na área de licenciamento. 

Ramalho não comparecia ao trabalho desde abril deste ano, quando ocorreu a transferência, e responde por um processo administrativo por abandono de função desde junho, segundo a secretaria. O processo está em fase de conclusão e pode terminar com sua demissão. 

Ele foi preso nesta quarta-feira, em sua casa, onde foram apreendidos dois revólveres, uma pistola, uma camisa com logotipo da corporação e munições. O caso foi registrado na 32ª Delegacia de Polícia de Taquara.

    Leia tudo sobre: prefeiturafalso corregedor

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG