Celso de Freitas foi morto a tiros na madrugada desse sábado por traficantes do Jacarezinho

O ex-líder comunitário de Manguinhos, Celso de Freitas, de 50 anos, foi baleado por traficantes do Jacarezinho na noite dessa sexta-feira (28). A informação foi confirmada pelo 22° Batalhão da Polícia Militar de Benfica. Celso foi executado e morreu no Hospital Salgado Filho, no Méier.

Durante o confronto entre policiais e traficantes na Avenida Dom Hélder Câmara, no subúrbio do Rio, uma mulher e uma criança foram atingidas. Segundo a polícia, a criança levou um tiro no pé, foi atendida no Salgado Filho mas já teve alta. Já a mulher foi transferida para o Hospital Central do Exército.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.