Ex-jogador do Vasco é preso por venda de DVD pirata no Rio

Fabrício Eduardo da Silva Alves, de 35 anos, foi preso junto com outro suspeito em posse de mais de 2 mil discos

AE |

selo

Policiais da Delegacia de Repressão contra os Crimes de Propriedade Imaterial (DRCPIM) apreenderam ontem um total de 2.017 DVDs piratas no Mercado Popular da Uruguaiana, no centro da cidade do Rio. Dois homens foram presos. Um deles é o ex-jogador de futebol do Vasco Fabrício Eduardo da Silva Alves, 35 anos.

De acordo com os agentes, foram apreendidos jogos de videogame e programas de computador pirateados. O ex-jogador do Vasco, responsável pelo ponto de venda, participou da campanha vitoriosa do clube na Libertadores em 1998. Ele e Rafael dos Reis foram presos no local e responderão pelo crime de violação de direito autoral, que prevê um a quatro anos de prisão.

Segundo o delegado titular da especializada, Alessandro Thiers, investigações estão sendo realizadas para apurar a participação de outras pessoas no esquema de comercialização de produtos piratas. A fiscalização no combate à pirataria no mercado popular da Uruguaiana será intensificada.

    Leia tudo sobre: piratariavasco

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG