Exército revista casas de moradores e acha fuzis e metralhadora no Alemão

Após filmar e fotografar ação de traficantes, Força de Pacificação consegue na Justiça mandado autorizando buscas nas residências

iG Rio de Janeiro |

Após fotografar e filmar a ação de traficantes no último fim de semana na comunidade Pedra do Sapo, no Complexo do Alemão, na zona norte do Rio de Janeiro, o Exército obteve junto à Justiça um mandado de busca e apreensão para revistar casas de moradores da localidade.

Leia também : Traficantes entraram no Alemão para desmoralizar Força de Pacificação, diz general

Na tarde de ontem (25), durante as buscas, os militares conseguiram apreender dois fuzis, parte de uma metralhadora, além de uma quantidade de drogas, binóculos e munição. Ninguém foi preso.

Na ação, que contou com a ajuda da PM e da Polícia Civil, a tropa da Força de Pacificação usou um carro de som para avisar aos moradores que suas residências seriam revistadas. Na mensagem, os militares pediram que, durante o cumprimento dos mandados, os moradores ficassem em casa por segurança. Isto porque poderia haver alguma retaliação dos bandidos e tiroteios que poderiam ferir alguém.

Leia também : Tráfico incita a população contra o Exército

Na noite de ontem, o cabo da Força de Pacificação Vitor Hugo da Silva Veiga, do 15º Regimento de Cavalaria Mecanizada foi atingido na cabeça por um disparo acidental de sua própria arma de fogo quando estava no alojamento.

O militar foi imediatamente socorrido e conduzido para o Hospital Central do Exército, onde foi operado. Nesse momento, encontra-se no CTI e seu estado é considerado grave.

A família foi imediatamente informada e encontra-se no hospital acompanhando a evolução do caso. Foi determinada a abertura de um Inquérito Policial Militar (IPM) para apurar as circunstâncias do fato ocorrido.

.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG