Exército finaliza sindicância sobre furto no Complexo do Alemão

Segundo investigação, há indícios da participação de dois cabos e de um tenente no furto de dois aparelhos de ar-condicionado e uma chopeira

iG Rio de Janeiro |

O Exército finalizou nesta quarta-feira (26) a sindicância que apurava o suposto envolvimento de três militares que atuam na Força de Paz no Complexo do Alemão, na zona norte do Rio, no furto de uma casa da região. De acordo com a investigação, há indícios da participação de dois cabos e de um tenente no crime. Os nomes não foram divulgados.

De acordo com uma denúncia feita por membros da Força de Paz, dois aparelhos de ar-condicionado e uma chopeira teriam sido furtadas no último dia 5 de uma casa no Morro da Fazendinha.

Segundo o Exército, os objetos foram encontrados na casa do tenente supostamente envolvido. Ele e os dois cabos responderão a um inquérito e poderão ser expulsos. Os três foram afastados da Força de Paz e estão trabalhando internamente.

Afastamento

No último sábado, 53 militares, sendo 30 do Exército e 23 da Polícia Militar, foram afastados do patrulhamento no Complexo do Alemão por causa da denúncia de furto no local .

De acordo com o coronel Antônio Manuel de Barros, da 26ª Brigada de Infantaria Paraquedista, responsável pelas ações no interior das favelas da região, a medida fazia parte da ideologia da Força de não admitir desvios de conduta.

    Leia tudo sobre: complexo do alemãofurtoforça de pazfurtosindicância

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG